quarta-feira, abril 25, 2007







Lindo desfile do Marquês até ao Rossio assinalando o 33º aniversário do 25 de Abril.
Pessoalmente, o dia ficou marcado pela protecção policial ao outdoor do PNR no Marquês. Um grupo prestou-se a disponibilizar tomates podres para arremessar ao outdoor, mas quando lá cheguei a PSP nem me deixou tocar num tomatinho. Depois de uma rapariga ter conseguido dar azo ao seu asco pela presença do cartaz neste dia, os 2 polícias da foto escoltaram a jovem para longe do local, e foram substituidos por uma dezena de agentes acompanhados de uma carrinha, para proteger os tomates e o cartaz. Mas tal não impediu que outros ainda dessem uso aos frutos, até que a PSP removeu a salada para local secreto. Não deixa de ser irónico que a PJ tenha há dias prendido membros afectos ao PNR, e agora a PSP ali estava a proteger publicidade dessa mesma organização. Seria meritório não fosse tratar-se de um cartaz com uma mensagem que constitui um atentado à constituição. E não fosse a ausência de protecção quando outros cartazes políticos, legais, são removidos, por vezes pela própria Câmara Municipal de Lisboa.

Sobre os acontecimentos que decorreram mais tarde no Largo do Carmo, ver.

3 comentários:

eduricardo disse...

Recomendo a leitura do artigo sobre as comemorações do 25 de Abril de 2007 inserido em vamospelosonho.blogspot.com
Para a autora, um cravo e um beijo

FeminineMystique disse...

quem por lá ainda ficou, depois de serem só os PSP a guardar (!) o cartaz, ainda teve a oportunidade única e exclusiva de ser brindada com empurrões e encontrões desses garantes da ordem e da segurança.

já pensava e continuarei a pensar: sinto-me sempre insegura ao pé de um polícia.

FeminineMystique disse...

alguém sabe o que é que se passa com o site do Indymedia? desde 26 de Abril que foi ao ar...