sexta-feira, outubro 27, 2006

Ilegalização da Juventude Comunista Checa

Depois de algum adiamento, parcialmente por resultado das expressões de censura internacionais, a 12 de Outubro o Ministério do Interior da República Checa ilegalizou a Juventude Comunista Checa (KSM) ver e ver). Este é um ataque sobre o movimento comunista na república checa, sobre o Partido Comunista da Boémia e Morávia (KCSM) - um dos partidos mais influentes na RC- mas também sobre todos os comunistas e democrátas do mundo.

A Federação Mundial da Juventude Democrática (WFDY) alerta que esta ilegalização surge em paralelo com a penalização de outras organizções europeias e suas actividades, e a proibição e prisionamento de membros de outros partidos comunistas, em particular noutros países da Europa de Leste, como a Bulgária, Hungria, países bálticos e outras ex-repúblicas da União Sociética. Simultaneamente, e não de forma discordenada, surgem nestes países organizações anti-comunistas e anti-socialistas na Bulgária e Romenia, e mesmo organizações abertamente fascistas.

Envia do teu protesto para o Consulado da República Checa em Portugal

ou, assina a seguintes petições organizada pelo Partido Comunista da Grécia.

3 comentários:

rapariga vermelha disse...

O obscurantismo está a deitar as garras de fora.
Lembro-me agora do poema de Brecht: "Primeiro levaram os comunistas..."

daalmada.blogspot.com disse...

É preciso parar a ofensiva reaccionaria e passar à contra-ofensiva revolucionária!
Saudações

magnolia disse...

Não podemos deixar que levem a sua avante. Todos juntos conseguimos!